Dicas básicas para quem vai a Montevideo pela primeira vez

179 comments

Dinheiro. Bom, comecei pela fácil: leve reais e cartão de crédito (tarjeta) internacional. Tudo começa na chegada ao aeroporto. Embora tenham me dito que o táxi não aceitava cartão de crédito, aceitam, sim. Não no carro, mas no balcão que representa a companhia no local. Nós acabamos comprando pesos no aeroporto e nos demos muito mal. No aeroporto, cada real valeu pouco mais de 8 pesos, enquanto em Montevideo, na rodoviária de Montevideo, em shoppings de Montevideo e em Colônia do Sacramento, a cotação é de 9,5 (ou até 9,7, se tiver sorte). Por que não comprar pesos uruguaios no Brasil? Porque pagarás uma taxa para a casa de câmbio. É o que os sustenta, paga a luz, a água e os paga os funcionários simpáticos e prestativos. Em Porto Alegre, esses encargos todos fariam com que meu real valesse apenas 6,6 pesos. Então, leve reais e troque por pesos na capital uruguaia (há uma casa de câmbio a cada meia quadra) e use a moeda local para ônibus, táxi, alguns passeios turísticos e outras bobagens para as quais não aceitem cartão. São muito poucas.

Deslocamento. Em Montevideo, você pode fazer todo e qualquer deslocamento com ônibus de linha. No nosso caso, os gentis carinhas do hotel (Hotel Europa, rua Colônia, 1.341) sempre indicavam os números das linhas e o melhor ponto para pegá-los. Na maioria das vezes, pagamos 17 pesos (mais ou menos, 1,7 real) cada trajeto. Parece que há uma opção de transbordo, na qual você usa uma mesma passagem para um ou mais trechos, mas nós não usamos. Táxi? Do aeroporto para o centro de Montevideo, pagamos para uma central de táxi – que aceita cartão – o dobro do que nos cobraria um táxi “de rua” – no nosso caso, 840 pesos ou cerca de 84 reais. Vale descobrir se o táxi de rua aceita reais. Eu não perguntei. Do hotel, no centro de Montevideo até o aeroporto, o valor acertado é de 460 pesos (46 reais). Viu? Quase a metade. Para os demais passeios dentro de Montevideo, nós não usamos táxi, somente ônibus. Mas não andamos muito à noite. Talvez, neste período, seja a opção mais segura.

Comida. São menos arrojados na cozinha do que os gaúchos – e todos os outros Estados brasileiros que já conheci. Isso é fato. O restante fica por conta do gosto de cada um. O preço é meio salgado para quase todas as refeições. Imagine uma cerveja 600ml custando oito reais. E você não está numa balada. São sustos desse tipo que você leva.

Supermercado. Um tal de Ta-Ta domina as redondezas. Como varejista que sou, não vou tecer comentários. Mas o que digo que chama muito a atenção é que, em cada quatro marcas de erva-mate, três são fabricadas no Brasil, mais precisamente, no meu Rio Grande. Agora, atenção: são muito fortes! Se não optar por algum tipo que avise no rótulo sua suavidade, prepare-se para fortes emoções. Sabe o que é? Acho que isso é porque eles, os uruguaios, passam o dia com a cuia na mão e térmica debaixo do braço. Andam pra lá e pra cá com seu mate. E o seu mate não pode ficar “lavado”, sem gosto. Por isso, a erva é forte. Mais uma coisa do súper? Isso deve ser normal em qualquer estabelecimento deste tipo no mundo. Mas enquanto a parte perecível às vezes causa calafrios – salames de cores diferentes e carnes exóticas jogadas num balcão (tudo normal para a cultura e autoridades sanitárias locais) –, o resto salva o turista pela universalidade das marcas. Unilever, PepsiCo, Colgate e Coca-Cola estão por toda parte. Os preços do súper no Uruguai? São mais caros que em Porto Alegre, em geral. Pouca coisa, mas são. Você dificilmente compra um tablete de chocolate por menos de cinco reais, por exemplo. Agora, as frutas são uma ótima pedida para levar a um passeio: quase sempre baratas (as bananas não são a preço de banana, por exemplo) e de boa qualidade.

Roupas e calçados. A menos que esteja em grande liquidação, ou você precise, ou esteja num freeshop (que, convenhamos, para roupas e calçados, ainda não são um lugar para a classe C), seus preços não valem a pena. São bem mais caros que no Brasil.

Alfajor. É um produto típico na Argentina e no Uruguai. As vitrines e gôndolas estão repletas deles e a variedade de marcas nos confunde na hora da escolha. Quer uma dica? Vai no preto ou branco da marca Punta Gallena. Não imagino como seria um alfajor melhor. Tem opções de caixas fechadas em padarias e outras vendas de calçada. É uma dica de lembrança do país para distribuir em casa e para os amigos.

Hospedagem. Um hotel em alguma rua próxima à 18 de julho é um bom começo. Repito, o nosso foi o Europa (Rua Colônia, 1.341). Dali, você parte para qualquer lugar da cidade.

Praias. Só conhecemos Pocitos. Areia mais grossa e água morninha. Mais nada.

Carnaval. Não vimos um confete no chão ou uma música com o volume mais alto em cinco dias. Não procuramos também. Li que o Uruguai tem o Carnaval mais longo do planeta – mais do que 40 dias. Invadem a Quaresma, pelo jeito. E as festas são realizadas em agrupamentos mais localizados, em lugares fechados muitas vezes, inclusive pelo interior. Mesmo que não seja um trio elétrico tocando axé ou um bloco com símbolos sexuais gigantes, quem procurar, deve encontrar alguma coisa.

Celular. Antes de viajar, liguei para minha operadora em Porto Alegre e avisei que sairia do país. A atendente me disse “OK, pode ir, boa viagem”. Fui e fiquei sem telefone a viagem toda. Ficar sem celular não é uma má ideia quando se quer descansar. Acho até que foi um presente da operadora que me atendeu. Ela deve ter percebido meu estresse. Agora entendi aquele “pode ir, boa viagem”. Mas se você precisa de um celular enquanto está fora, tome mais cuidado do que eu.

Caixinha.
Se você não tem conta conjunta com sua esposa ou simplesmente prefere separar seus gastos dos da namorada, seus problemas acabaram! Não, não é nenhuma invenção de outro mundo, mas esquecendo dela e enfiando a cabeça dos passeios e nos trocos quebrados, você pode perder alguns minutos calculando quanto cada um gastou e quando cada um levou de dinheiro. Faz assim: compra uma moedeira num artesanato de Montevideo, e você e sua companheira colocam ali dentro uma quantia igual, parte em pesos e parte em real. Ou tudo em peso, sei lá. São para as despesas que não poderão ser pagas com o cartão. Bah, é uma mão.

Surpresas.
Elas estiveram principalmente no aeroporto. Já sabíamos, mas esquecemos de uma taxa de embarque para a volta, de 600 pesos, ou 60 reais. Dói quando se esquece de um valor desse. É como achar dinheiro, só que ao contrário. Outra surpresa são as opções de locais para refeição enquando se aguarda para o vôo: uma. E muito cara. Que tal uma long neck por oito reais? E uma Coca de latinha por seis? É por essa base. Vá almoçado ou jantado. Ah, e mais uma notícia desagradável: enquanto você aguarda para voar, nem pense em internet sem fio.Sobre doce de leite e a alfandega brasileira. Você gostou do que comeu no Uruguai? Nem pense em levar pro Brasil. Ou se quiser arriscar, compre pouco. Fui confiscado de dois potes quando cheguei em Porto Alegre e fiquei procurando alguém para perguntar porque os países não se falam, integrando suas regras sanitárias? Não achei ninguém e ainda tive que assistir o fiscal abrindo cada um dos potes e despejar aquele creme dourado e espesso em uma lata de lixo. Lamentável.

Ressalvas. Essas dicas são resultado da primeira experiência vivida no Uruguai (mais precisamente em Montevideo e em Colonia) e a segunda fora do país. Não tome por regra, nem menospreze minhas inocentes opiniões. Elas servem de ponto de partida para quem estiver prestes a iniciar essas belíssimas experiências de vida. Se alguém passar por aqui e discordar, comente, podemos melhorar juntos. Afinal, compartilhar experiências e construir, em conjunto, informações mais consistentes é o propósito de redes sociais como essa, não?

Agradecimentos:

Ao casal Ana Paula e Vinicius, pelos mapas, pelos livros, pelo acesso ao álbum de fotos, pelas dicas de câmbio.

Ao jornalista André Machado, pelas dicas de passeios, de almoço e de compras.

À Dani Astigarraga, pela dica dos freeshops e por lembrar-nos de levar um casaquinho para as noite frias.

Ao médico da Samanta, por permitir a viagem antes da cirurgia.

Ao Ricardo, meu professor de inglês, pelo incentivo: “cara, não deixa de conhecer Colonia!”

E à jornalista Giane Guerra, pela (quase) consultoria de câmbio. No final (bem no final), deu certo!

Juliano RigattiDicas básicas para quem vai a Montevideo pela primeira vez

Related Posts

179 comments

Join the conversation
  • Kelen - 20 de fevereiro de 2010 reply

    Aii, que dó do doce de leite… quer dizer, de vocês neh?!

    Valdelice - 13 de outubro de 2011 reply

    Valeu as dicas, com certeza ficarei atenta a cada uma delas. Obrigada.
    Valdelice Vale

    uzina - 13 de outubro de 2011 reply

    Boa viagem!

    ADRIANA - 25 de maio de 2012 reply

    PUXA, …. NUNCA PERCEBI ALGUEM RELATAR TAO BEM UMA VIAJEM E NOS MINIMOS DETALHES, ISSO SIM É COMPARTILHAR ENTRELINHAS……
    ADRIANA

  • Jac Oliveira - 23 de fevereiro de 2010 reply

    Havana. Havana é o melhor alfajor que já comi. Vai por mim…

    beatriz - 13 de outubro de 2011 reply

    Havana é totalmente industrializado, não vale a pena..

    Ana - 20 de fevereiro de 2012 reply

    é da argentina e nao do uruguai, são bem diferentes…

    Debora Miranda - 8 de agosto de 2012 reply

    Qualquer alfajor original do Uruguai ou Argentina é bem melhor que Havana, mesmo

  • Bina - 6 de março de 2010 reply

    Valeu as dicas! Entra no meu novo blog. Bjs

  • Paulo Roberto Lima - 5 de maio de 2010 reply

    Obrigado, boas dicas

    uzina - 5 de maio de 2010 reply

    Boa viagem!

  • Paulista - 30 de maio de 2010 reply

    Deixe de fazer comentários nacionalistas, não porte-se como gaúcho e sim como brasileiro. Essa visão bairrista que você demonstrou no seu comentário é completamente descartável. Se o seu Rio Grande fosse assim tão bom, vocês teriam conseguido se separar do Brasil, o que cá entre nós teria sido bom para o resto do país!
    Melhor felicidade em seus próximos comentários.

    Christian - 23 de setembro de 2010 reply

    Uzina,

    Grato pela contribuição que foi muito útil para mim e para alguns colegas Norte-Americanos que nos visitavam aqui em Curitiba.

    Quanto ao comentário do Paulista,

    Cresça, estude e apareça. Você devia estudar um pouco mais de história brasileira antes de jurar certos acontecimentos. Comentário desagradável, principalmente pela sua falta de sensibilidade ao bom texto do nosso amigo e que é de grande valor aos viajantes. Se atenha a ser positivo com quem é positivo. Isto sim, gera valor para a humanidade. Ah! a expressão que você não achou na sua vasta “capacidade” intelectual é separatista, não nacionalista.

    uzina - 25 de setembro de 2010 reply

    Obrigado, Christian! Legal ter visitantes tão positivos como você no meu blog. Abraço, Juliano Rigatti

    Suza - 30 de janeiro de 2012 reply

    Eu concordo com Christian: Sou paulista também, já viajei por diferentes paises, morei no exterior cinco anos e amei os comentários leves e úteis de Uzina. Vou para Montevideu em duas semanas e usarei as dicas apresentadas com simplicidade e autenticidade. Obrigada, amigo! Continue postando! Suza

    MARIA CÉLIA - 19 de abril de 2012 reply

    aDOREI A CRÍTICA AO COMENTÁRIO INFELIZ DO pAULISTA – ALIÁS ALGUNS PAULISTAS SE ACHAM MESMO MEIO DONOS-DO-MUNDO! O QUE É PRECISO SEMPRE É TER RESPEITO E EDUCAÇAO!
    ESTAREI INDO PARA MONTEVIDEU EM JULHO E TODAS AS DICAS SÃO MUITO IMPORTANTES PRÁ MIM! qUEM NÃO APROVEITA AS EXPERI~ENCIAS DOS OUTROS PARA AGIR É PORQUE DEVE SER MUITO BURRO!
    GRATÍSSSIMA POR TUDO .
    CÉLIA

    Moises Beze - 19 de abril de 2012 reply

    Eu acabei de chegar do Uruguai, fiquei em Montevideo mas aluguei um carro e passei um dia em Colonia e um dia em Punta Del Este.
    Gostei muito do Uruguai e das três cidades. Realmente os preços de roupas, sapatos e etc são iguais ou mais caros que no Brasil … não vi vantagem …. agora o Dutty Free do Aero de Carrasco tem os preços melhores que do Brasil, mas é pouca coisa!
    Qualquer dica que alguém quiser de restaurantes, passeios podem me enviar um email que eu respondo. moisescms@hotmail.com

    Abraços.

    Larissa - 26 de agosto de 2013 reply

    Gente, por favor, não tomem como regra o que o meu conterrâneo disse. Nem todo paulista pensa assim! Detesto essas comparações e racismos existente de qualquer forma….inclusive entre povos de uma mesma nação, só pq são de estados diferentes.

    Enfim, obrigada pelas dicas. Ajudou e muito. Com relação aos valores, não sei se Sampa e POA tem muita diferença de valores….bem, em outubro descubro e conto para vcs.

    rafael - 4 de fevereiro de 2011 reply

    bah, total apoio a resposta anterior. parecia mais um provinciano porto-alegrense com ciumes de uma cidade linda (e que Porto Alegre acha que e a mesma coisa). dicas horriveis, tua viagem deve ter sido muito ruim. lamentavel.

    Zé Prequeté - 9 de março de 2011 reply

    Mais um que lê mas não compreende o que leu.

    Esse é o resultado dos baixos níveis de ensino em nosso país.

    Gabrieli - 31 de janeiro de 2013 reply

    Triste…. dicas boas e gente que não teve capacidade de ser util entram no blog para criticar..

    João Henrique - 9 de março de 2011 reply

    Pô, tinha que aparecer um paulista xarope ou doidão. Se não tem nada de bom a acrescentar fique não sua e não encha o saacoo dos outros. O gaúcho teve a maior das boas intenções e você vem com esse papo rasteiro de separatista.

    Ademais, não sei onde você leu esses comentários nacionalistas. Deve estar misturando estação ou não entendeu o que leu.

    Rogério - 3 de junho de 2011 reply

    Discordo totalmente do discurso do Paulista, agora vc generalizar esta se igualando a ele.
    abraços
    Ha estava esquecendo…… valeu pelas dicas!

    Christianne - 21 de agosto de 2011 reply

    Meu Deus! Quanto ódio no coração do paulista acima.Será que ele tb não tem orgulho de ser paulista? Ah,me poupe! Temos muito gosto de sermos gaúchos por tudo que isso representa e por tudo que suamos no transcorrer da história. Talvez falte para o senhor paulista estudar um pouco mais para saber que inúmeras vezes foram esses gaúchos que defenderam as fronteiras brasileiras no sul do país contra invasões.
    Se portar como gaúcho é se portar como brasileiro,são características que não são excludentes.

    Nádia - 3 de outubro de 2011 reply

    Que bobagem…..O que que tem o cara gostar do seu estado? Sou mineira e aprecio muito o meu estado. O que ele demonstrou foi orgulho do seu estado, o que infelizmente a maioria do povo brasileiro não tem,e por vezes não tem mesmo motivo pra isso.

    Tigrão - 13 de dezembro de 2011 reply

    Caro paulista você fala em bairrista com esse nome de ‘paulista”? Aqui no Rio Grande do Sul tem macho mesmo meu “amigo”. Nós valorizamos onde moramos sim. Nos levamos a NOSSA cultura para onde vamos. So para teu conhecimento temos CTGs ate nos EUA. O que voces levam de cultura com voces? Alías qual é a tua cultura? Voces nem tem cultura propria. Então fica quietinho e esconde o rabo entre as pernas.

    Eduardo - 15 de março de 2012 reply

    Cultura????
    Que cultura, vc´s conservam as tradições uruguaias e argentinas, ou vocês acham que o jeito de se vestir, churrasco e chimarrão foi criação de vc´s? Eternos derrotados da guerra dos farrapos…
    Imagina se tivessem vencido a batalha! ARGHHH!!!
    Sou de SC, e como todos os Catarinenses, temos nojo de vc´s arrogantes e soberbos,hehhehehe… além de poliidores de nossas praias. Se o RG é tão bom, naõ saiam desta m. de estado.

    Paulistano - 21 de fevereiro de 2012 reply

    não gosto de criar discórdia… mas concordo com o Paulista.

    Barbara Be - 15 de maio de 2012 reply

    Bah seria uma ótima ideia se nos separarmos, pois só quem vive aqui sabe o amor que temos pelo nosso estado… e mais respeito da próxima vez!

    Renato Morais - 14 de agosto de 2013 reply

    Sou gaúcho, me orgulho do meu estado, e ao mesmo tempo tenho muita admiração por outras regiões e principalmente o nosso pólo financeiro São Paulo. O que muitos gaúchos não entendem é que, para se orgulhar de seu estado e de sua cultura, não é preciso menosprezar os outros estados, fazer comparações de quem é o melhor, e nem comentários como “bah seria uma ótima ideia se nos separarmos”. O Rio Grande do Sul nunca ia conseguir sobreviver sozinho e temos que reconhecer isso e ser gratos ao resto do país.

    Luiz Fernando - RJ - 8 de junho de 2012 reply

    Pela palhaçada acima só podia ser paulista mesmo….

    Dilza - 10 de julho de 2012 reply

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, Calma pessoal. A indiferença a essas pessoas pobres de nobreza é a melhor resposta,Não deem a eles o ibope que não lhes pertencem. ah! Amo os Gaúchos, e sou mineira morando em Cabo Frio R.J. abçs.

    Luiz Roberto - 27 de julho de 2012 reply

    Paulista BABACA. Se acha ruim vai tu embora do Brasil. Idiota

    Ligia - 5 de janeiro de 2013 reply

    Ridiculo isto… a pessoa com toda sua boa vontade deixa um comentário ótimo e detalhado como esse e tem sempre que vir um babaca pra criticar!! Não liguem , ótimas dicas! Estou indo ao final deste mês para o Uruguai, na Rua Maldonado, mais precisamente, e vou ficar atenta a todas as dicas! Muito obrigada e não peguem raiva dos paulistas por causa de gente como a que escreveu esta idiotice acima.. sou paulistana tb!! rsrsr, bjos

    Gabrieli - 31 de janeiro de 2013 reply

    Querido paulista. acredito que tu deve ter sofrido uma desilusão com os gauchos ou gauchas para ser tão revoltadinho assim. Sabe o que você faz, vai pra Montevideo e tenta escrever algo com os mesmos detalhes que constam aqui.Se você conseguir superar, me avisa que a gente separa SP do resto do Brasil pra ficar livre de pessoas como vc!

  • Ilaine - 15 de junho de 2010 reply

    Olá! Sou de Caxias do Sul e pretendo ir ao Uruguai passar uns dias, e suas dicas foram ótimas!!!

    Abraço

    uzina - 15 de junho de 2010 reply

    Que bom! Boa viagem e me traz um alfajor. 🙂

    Abraço, Juliano Rigatti.

  • André - 29 de julho de 2010 reply

    Não entendi a parte do doce de leite. Trouxe 2 potes e ninguém me encheu o saco.

  • Jairo Sanguinetti - 5 de setembro de 2010 reply

    Feliz comentário, obrigado por ele, estarei viajando de Rcife a Montevideo em Dezembro, devo ir a algumas regiões do uruguai bem como Buenos Aires, fiz anotações de algumas digas tua, acho será de bom proveito.

    uzina - 5 de setembro de 2010 reply

    Tomara que sejam mesmo! Boa viagem e aproveites. Abraço, Juliano Rigatti

  • Rafael Carvalho - 10 de setembro de 2010 reply

    olá parabéns pelo post! Sabe como consigo taxi mais barato no aeroporto? Obrigado

    uzina - 10 de setembro de 2010 reply

    Olá! Se tu tiveres grana na mão, os táxis da cidade, que passam em frente ao aeroporto, são os mais baratos. Mas n sei se aceitam cartão ou real. Abraço e boa viagem!

  • Rosane - 14 de novembro de 2010 reply

    Olá. Adorei seu site. Estou indo para Montevideo em breve, e depois de ler o q vc escreveu sobre o pobre doce de leite, rsrsrsr, gostaria de saber: posso trazer alfajor?
    Adoro alfajor e é dificil encontrar um bom aqui no Brasil!
    Abraços!

  • Rodolfo - 18 de novembro de 2010 reply

    uzina, bom dia
    adorei seus comentários, certamente é de grande valia para quem viaja… aliás, qualquer comentário e dica que vem de pessoas sérias são sempre bem vindas… o paulista devia estar com algum problema quando comentou..rs “tem gente que é assim mesmo” estou indo agora dia 22 de novembro, ja estive em buenos aires em março, lugar lindo, alfajores maravilhosos, meu problema foi apenas com a companhia aérea , as aerolineas argentinas realmente é a pior companhia que já voei..rs não indicado para não argentinos..rs você acredita que comprei uma mala pequena e coloquei muitas caixas de alfajor, da melhor qualidade, pois presentearia muitas pessoas… na hora de embarcar, uma atendente da companhia aérea, estressadíssima por sinal, pesou minha mala com os alfajores e disse que tinha que despachar junto com a bagagem, fiquei abismado, pois a mala era pequena e cabia perfeitamente no compartimento dentro da aeronave, mas a “girolanda” não aliviou em nada… mesmo eu abrindo a mala e mostrando que apenas tinha alfajor… de nada adiantou, ela etiquetou e despachou…. nem preciso falar o que chegou na minha casa…. mas a paçoca de alfajor também é gostosa… as crianças amaram… comiam tudo de colher…. o triste foi ver dentro da aeronave os “hermanos maledetos” com malas que nem cabiam no compartimento..e o peso, certamente superava em algumas vezes meus alfajores…rs

  • Os números de 2010 | Uzina - 3 de janeiro de 2011 reply

    […] Dicas básicas para quem vai a Montevideo pela primeira vez fevereiro, 201017 comentários 3 […]

  • Reinaldo Müller - 21 de janeiro de 2011 reply

    Uzina
    Gostei dos comentários… Acho que tu descreveu a sua saga no Uruguay com espontaneidade e com espírito de quem quer ajudar, relatando as experiências pelas quais tu passastes.

    Permita-me sugerir aos leitores/internautas do SITE que quando se vai para um outro país fazer comparações é perda de tempo. Cada lugar tem a sua cultura — os seus modismos — os seus costumes. De nada adianta nos estressarmos e exigirmos que os “estrangeiros” atendam às nossas exigências e expectativas. Vamos embarcar com o espírito desarmado. Sejamos gentis com todos, afinal, estamos na terra deles. Tenhamos o olhar de uma criança que se encanta com as novidades. Devemos tentar buscar a poesia que existe em cada lugar… E todos têm alguma. Lugares, pessoas, acontecimentos sempre haverão coisas que nos agradam. A questão da culinária não é assim tão dramática. Vamos combinar que em matéria de improvisação o brasileiro é “doutor honoris causa”.
    E este ano estarei lá em Montevideo (Montevidéu?) — escolha a grafia. Agradeço as dicas do SITE e abraços a todos os leitores/internautas que deixaram aqui a sua valiosa contribuição.

    O julgamento é uma arma usada contra a Verdade. Julga-se o que não se pode compreender… portanto, julga-se falsamente!

    Reinaldo Müller

    uzina - 27 de fevereiro de 2011 reply

    “Tenhamos o olhar de uma criança que se encanta com as novidades. ” É isso, Reinaldo!

    Andrea - 29 de novembro de 2011 reply

    Exato, pois o que vc descreveu da sua experiencia é de alguem tipico que nao sabe viajar.

    Ligia - 5 de janeiro de 2013 reply

    Amei este comentario! Pois é assim que eu vou para todos os paises por onde passo!!! bjos

  • paulitacosta - 6 de fevereiro de 2011 reply

    Olá… nossa você parece nao ter dado sorte mesmo lá no Uruguay. Eu já fui duas vezes pra lá e sempre trouxe doce de leite, por sorte nunca confiscaram minha bagagem! A dica para o “trafico del dulce de leche” (jejeje) é, enrolar o pote nas suas roupas e colocar um monte por cima. Pra você ter uma idéia, eu sempre trouxe doce de leite, mate, alfajores e até mesmo sachezinhos de café “Bracafe”… nunca tive problemas.

    uzina - 7 de fevereiro de 2011 reply

    Olá! É que eu sou meio “caxias” mesmo… Valeu pelo comentário! Juliano

  • Alessandro - 19 de fevereiro de 2011 reply

    COMPLETAMENTE DESCARTÁVEL O COMENTÁRIO DESTE TAL DE PAULISTA…Arrogante e preconceituoso. Aprenda a conviver com as pessoas, seu preconceito também é completamente descartável aqui e em qualquer parte, se quer fazer críticas, aprenda a falar com as pessoas de maneira assertiva e educada, do contrário a única coisa que vai obter é antipatia e falta de respeito. Se essa é a única que tens a dar por aqui, então cria teu próprio site de dicas e escreva o que bem entender para pessoas arrogantes e que acham que são melhores que todo o resto do mundo e deixe em paz as pessoas que querem contribuir e dar coisas positivas ao mundo. Um mundo melhor começa por nossas próprias atitudes e quem fez esse site para dar dicas assim com certeza está fazendo algo para isso, enquanto que pessoas como tu, só sabem fazer comentários mesquinhos e preconceituosos, que não tem valor algum pra coisa alguma. “Engenheiros de obra pronta”, que acham fácil criticar o que os outros fazem enquanto se acomodam e se omitem e ainda tem a prepotência de achar que contribuem de alguma forma com comentários onde o que mais aparece é o preconceito e o desconhecimento…

  • Carlos - 29 de março de 2011 reply

    Olá vou a Montevidéu em junho, porém vou de moto. Assim como você sairei de Porto Alegre, provavelmente será bem cansativo mas para um apaixonado por moto como eu isso será só detalhe. Bom, gostei das dicas, já fui a Montevidéu 3 vezes mas todas quando era “piá”, agora tenho 22.
    Só tenho dúvida quanto a ir de moto. Posso entrar numa boa? Tenho que pagar algo a mais? Existe algum tipo de seguro?

    uzina - 29 de março de 2011 reply

    Olá, Carlos. Obrigado pela visita ao blog! Infelizmente, como sou só um turista, não tenho essas respostas. Abraço, Juliano.

  • Renata - 31 de março de 2011 reply

    Gostaria de saber como é feita a restituição dos impostos deixados em Montevideo nas compras feitas com cartão ?

  • gustavo - 4 de abril de 2011 reply

    precisa de passaporte / visto para ir pro Uruguai?

    vera lucia escodino de mattos - 30 de janeiro de 2012 reply

    nao precisa de visto e nem de passaporte mas a carteira de identidade tem validade para eles 10 anos.
    E nao serve carteira de motorista

  • Paulo - 17 de abril de 2011 reply

    Oxe!!! Fala do seu jeito que tú quiser, a língua é tua e o gauchês é parecido, sendo diferente do pernambuquês, é isso aí, valoriza tuas raízes que elas nunca morreram!!!!

  • Yonara - 24 de maio de 2011 reply

    Eu adorei as dicas, me ajudaram bastante!!
    Desprezo os comentários negativos. Faça o mesmo!
    Abraços

  • Eliel - 24 de maio de 2011 reply

    Olá Juliano!
    Muito massa as suas dicas, gostei!
    Vou pra Montevideo em janeiro/2012 com a minha esposa e confesso que estou perdido com a questão da grana pro táxi aeroporto-hotel. Já entrei em alguns sites de economia e as conversões nunca parecem bater uma com a outra. Tem alguma dica legal pra nós?
    Iremos até Colônia de ônibus e de lá para Buenos Aires de Buquebus, que tal? Parece ser uma boa, né?
    Sabe como é, marinheiro de primeira viagem, mas vamos lá… Arriba!

  • tatah - 30 de maio de 2011 reply

    Muito boa as dicas! Estou indo para lá daqui a 3 semanas e elas me ajudaram bastante.

  • osmar - 5 de junho de 2011 reply

    olha, eu trabalho em aeroporto,mas precisamente na parte de cargas, infelizmente a parte de alimentos é barrado pelas legislação fitosantitarias dos paises, é a maneira dos paises se resguardarem para segurança , eu ja vi muita coisa boa ser destruida .

    osmar - 5 de junho de 2011 reply

    me desculpem , é fitossanitarias

    Nádia - 4 de outubro de 2011 reply

    Pois é, mas porque? É vendido dentro dos free shop e os funcionarios falam que é liberado e quando passamos na alfandega eles recolhem.Que quantidade de informações erradas eles nos passam,não é?

  • Sergio MOya - 7 de junho de 2011 reply

    Gracias, vou ver Penãrol x SANTOS F.C. Babem, gaúchos rsrsrsrsrs

  • João Rocha SP - 15 de junho de 2011 reply

    Ai Gaúcho, valeu pelas dicas, vou pela 1ª vez para lá e estava preocupado, ja aprendi até como fazer tráfico de doce de leite.
    Brigadão a todos que acrescentaram sugestões.
    Não esqueçam, somos todos brazucas (torcemos pela mesma seleção).
    Valeuuuuuuuuuuuuuu

  • maristela - 24 de junho de 2011 reply

    Adorei as dicas sobre Montevideo!

  • laura - 25 de junho de 2011 reply

    achei um licho essas dicas n servem pra nada eu vomi fude m monte videl se eu seguir essas dicas

    HAAS - 25 de janeiro de 2012 reply

    Pois é…. sua situação deve piorar se você continuar empregando esse português “bem escrito” aí!!

    Mariana Ferrone - 29 de setembro de 2013 reply

    Essa tal de Laura deve matar os professores de português do coração, ao escrever de forma tão errada e ainda por cima de maneira tão vulgar e com linguagem de gentalha de última categoria! Onde já se viu escrever “licho” com “ch” em vez de “lixo” com “x”? Essa fugiu da escola, só pode… E “monte videl”… Sugiro que ela faça um curso na EJA – Escola de Jovens e Adultos (antigamente o indicado seria o bom e velho MOBRAL, para pessoas tão incultas como essa infeliz…)

  • Evandro Lima - 5 de julho de 2011 reply

    Eu trouxe doce de leite. A dica é não trazer em lata. No Uruguai há embalagem em papelão parafinado. A lata não passa no Rx.
    Quanto ao alfajor, comprem no Dutfree.

  • Guto - 25 de julho de 2011 reply

    êêê cara, tenho que te dizer que eu ia fazer uma viagem, inclusive pra montevideo, e acabei encontrando teu texto aqui por acaso!!
    e realmente, concordei totalmente contigo sobre os alfajores da Punta Gallena!! são até melhores que os da Havanna! (comprei la tambem pra comparar, e o punta gallena eh beeem melhor!! só nao provei um outro, o Portozuela, eu acho… tinha bastante, mas nao provei…)
    o unico problema eh que não é facil de achar! tinha só numa vendinha 24h perto do meu hotel, mas em nenhum supermercado tinha… eu tive que esvaziar o estoque da mulher 2x! hehehehehhe
    e a minha viagem foi de carro, entao nao tinha essa fiscalizaçao pesada de aeroporto… consegui trazer um bocado de alfajores e um pouquinho de doce de leite… realmente o de lá é muito bom!!!
    sem contar que, eu tava lá no dia 19/07, no jogo do Uruguai X Peru, semi final da copa américa… como o brasil ja tinha perdido, eles tiraram a argentina e iriam jogar contra o paraguai, que tirou a gente, tava torcendo com toda a garra num barzinho de montevideo!! foi mtt doido!! heheehhehe

    enfim, valeuzão pelas dicas de viagem! foram mt uteis!!!
    abração!

  • R Ngues - 30 de julho de 2011 reply

    Estive em Montevidéu em novembro 2010 e achei a cidade espetacular,em relaçao aos preços sao ótimos ,paguei um jantar p/dois com shandon francesa a luz de velas por apenas 180 reais.Aluguei uma lancha com 250 cavalos para oito pessoas durante 24h por apenas 2000 reais.Me hospedei em punta de leste no conrad que apesar de simples as diárias sao bastante baratas.Por fim aluguei um táxi aéreo que me trouxe a BH por 5000 reais , isto no brasil ficaria o dobro.

    Outpress - 22 de dezembro de 2011 reply

    fala sério?

  • Mary - 16 de agosto de 2011 reply

    Adorei as dicas!!!! Já anotei tudo!!! Espero que dê tudo certo na minha viagem! Valeu!!!!

  • Alvaro - 1 de setembro de 2011 reply

    Agradeço imensamente ao Gaucho pelas dicas de viajem à Montevideo. Viajarei para lá no próximo dia 03/09/2011 e as aproveitarei bastante.
    Abs

    uzina - 2 de setembro de 2011 reply

    Que bom! Depois me conta.

    Boa viagem!

  • Luiz Carlos - 24 de setembro de 2011 reply

    Tudo é muito relativo. Se o gaúcho tivesse levado US$ 10.000,00 para gastar em seu passeio, ele teria voltado de Montevideu muito feliz. E ele tivesse comprado doce de leite de qualidade, os caras da alfândega teriam comido e não jogado fora. Mas a viagem dele foi válida e ele só está dando dicas para quem vai viajar em condições parecidas com a dele. Gostei da dica e aprendi alguma coisa. Quanto ao cara de Sampa, é assim mesmo, coisas de paulistano abobalhado que não atrapalha.

  • Mônica - 1 de outubro de 2011 reply

    Olá, amigo. Papos bairristas a parte, te agradeço muito pelas dicas. Estou indo a Montevideo agora em outubro a trabalho e suas dicas foram valiosas, até porque também é a primeira vez que saio do país…sabe como é…marinheira de primeira viagem…insegura…por isso foi tão bom ter passado por aqui p/ te visitar antes.
    Forte abraço! Se der, e se não for confiscada, te trago um alfajor, mas qual é mesmo a marca???? rsrsrs

    uzina - 1 de outubro de 2011 reply

    Oi, Mônica! Muito boa viagem! Tomara que as minhas humildes dicas te ajudem. Um alfajor? Eu aceito. 🙂 Juliano

  • noivasrs - 3 de outubro de 2011 reply

    Tô chorando aqui por não ter visto esse post antes. Cheguei em Porto Alegre hoje e meus 3 potes de plástico (q comprei para não ter perigo de quebrar) da marca Lapataia foram despejados dentro de uma lata de lixo. Que ódio!!!!

    Parabéns pelas dicas!!!! 🙂

    uzina - 3 de outubro de 2011 reply

    É, dá muita raiva (e pena) mesmo… 🙁 Abraço!

  • Nádia - 4 de outubro de 2011 reply

    Gostei muito das dicas. E ficam as perguntas, se os doces de leite são vendidos no free, entende-se que está liberado, mas não,e aí a surpresa desagradável, então pq é vendido lá? Vou pra lá no meio deste mês e vaou aproveitar muito do que li aqui. Só ficou uma dúvida, é melhor eu comprar pesos uruguaios aqui ou trocar lá?

  • Paula - 21 de outubro de 2011 reply

    Muito boas as dicas.

    Quanto ao Paulista… nem dêem bola.

    Ele deve estar chateado porque veio procurar o pai aqui e não o encontrou… (hehehe)

  • Felipe Flores Cardoso - 30 de outubro de 2011 reply

    Voltei ontem do Uruguay, que país demaais!
    Felipe.
    Sapucaia, Brasil.

    Felipe Flores Cardoso - 30 de outubro de 2011 reply

    *Sapucaia do Sul, RS.

  • ieda - 5 de novembro de 2011 reply

    adorei as dicas , o tal paulista de ser uruguaio, abcs

  • Orlando - 28 de novembro de 2011 reply

    Caro Uzina,
    parabéns pela iniciativa. Pena que dei uma “passadinha” pelo blog antes de visitar o Uruguay. Muitas das dicas me cairiam bem…
    Estive na cidade de Carrasco, acompanhando meu filho que participou do campeonato de rugby. Foi uma grande experiência.
    A cidade é muito bonita, o rio Prata uma maravilha!
    Como comprei a passagem pelo Decolar.com, as taxas de embarque já estavam inclusas, não fui surpreendido. O câmbio estava melhor (1 Real=10,20 Pesos) na casa de câmbio pois no aeroporto 1=8,40.
    Sou paulista e quero dizer que “esse Paulista” do comentário acima é, infelizmente, uma pessoa digna de dó. Nem sabemos se o gajo é mesmo paulista.
    São Paulo é uma cidade de concreto mas com coração.
    Como há sotaques de todos os lugares do Brasil e do mundo, ninguém é considerado “estrangeiro”, são todos daqui. Você tem que dizer que é turista ou recém chegado, senão achamos que você já mora aqui.
    Novamente parabéns pela iniciativa de passar suas experiências adiante.
    Ninguém é uma ilha.
    Orlando

    Orlando - 28 de novembro de 2011 reply

    Amigos, desculpem. Há um erro logo na primeira frase: faltou a palavra NÃO. Ou seja, a frase seria assim:
    Pena que NÃO dei uma “passadinha” pelo blog antes………..
    Orlando

    uzina - 29 de novembro de 2011 reply

    Que belíssima homenagem a São Paulo, Orlando! E obrigado pela generosidade do comentário. Participações como a tua e da imensa maioria dão gosto de ter um dia desejado compartilhar minhas experiências pelo blog. Saibam que meu post ficou ainda mais rico depois de tão importantes contribuições. Abraço grande! Juliano Rigatti

  • Jefferson Silva - 28 de novembro de 2011 reply

    Dar dicas após uma única visita a Montevideo? Um pouco pretensioso da sua parte. Falaste do Ta-Ta, pois bem esse é apenas um dos supermercados que existem em Montevideo e, por sinal, é o pior deles. Tente ir na próxima vez ao Tienda Inglesa (padrão do nosso Zaffari) ou no Disco ou Devoto, que são bem maiores e onde não terás problemas com higiene (pegaste um exemplo e generalizou). O Ta-Ta é uma espécie de Asun deles, ainda mais nessa região (me aponte um super decente no centro de Porto Alegre). Quanto ao local para se hospedar, não recomendo a região da 18 de Julio, deverias ter ficado em Pocitos ou Punta Carretas, que são dois bairros bem mais simpáticos que a região do centro (muito poluído e barulhento, bom de visitar, mas não de pernoitar). Ficando num desses dois bairros é possível utilizar a linha de ônibus DM1 que faz o trajeto do Aeroporto – Punta Carretas. Ano passado custava 25 pesos, mas não é recomendável para quem chega com muita bagagem. Outra opção é contratar um serviço de Remises (entra no google.com.uy e pesquise por Remises Montevideo, tu vais encontar várias empresas e gastar bem menos, podendo pagar em dólar). Por fim, os melhores alfajores urugauios são os ‘Alfajores Extras de las Sierras de Minas’, feitos no Uruguai para os uruguaios e não para os turistas. O melhor doce de leite é da marca ‘Los Nietitos’. Para quem mora no Rio Grande do Sul a melhor forma de trazer alimentos é vindo de ônibus, são 11 horas de viagem, mas tu chegas com todos os teus potes. Se quiseres andar de ônibus por lá, a sugestão é comprar o guia Eureka num dos quiosques da cidade. Tem todas as linhas e itinerários. Por fim, não existe plantação de erva-mate no Uruguai, toda erva que eles consomem vem do Brasil (RS e SC). Mais uma coisinha, para ir de carro ou moto é preciso fazer o seguro carta verde, é só falar com um corretor.

  • Eliane - 3 de dezembro de 2011 reply

    Muito bom o blog, porém, preciso de mais informações sobre os pontos turísticos…

  • Wander - 5 de dezembro de 2011 reply

    Bacana haver blogs com dicas de viagem. Eu gosto muito. Ah, sou paulista e posso dizer que o povo do Sul, em especial o de SC e RS é um dos mais educados do Brasil. Falo por experiência de vida mesmo, pela convivência.

  • Barbara - 11 de dezembro de 2011 reply

    Ri pra caramba com seu relato, pois é muito parecido com o meu. Estou indo lá pela quarta ou quinta vez. Dá pra notar que gosto um pouquinho do lugar. Mas agradeço muito por me lembrar de todos esses detalhes! Um beijão.

  • Elizete. - 18 de dezembro de 2011 reply

    Obrigada pelas dicas, adorei…

    uzina - 19 de dezembro de 2011 reply

    Que bom! Boa viagem!

  • saulo - 26 de dezembro de 2011 reply

    Primeiro gostaria de agradecer pelas dicas,
    Meu querido estou indo agora em janeiro por apenas um dia em Montevideo pois vamos de navio, vou levar Reais Cartão e Dolares vc pode me dizer o que é melhor trocar Reais ou dolares?
    Ps. sou Paulista e este ignorante que se diz Paulista não é não

    uzina - 26 de dezembro de 2011 reply

    Olá, Saulo. Olha a resposta que eu recebi agora de uma amiga que está neste momento em Montevideo:

    “Eu comprei pesos aqui. Ta assim: 1 real corresponde a 10 pesos, no melhor cambio que achamos. A comida eu achei barata, tipo 2 chivitos e 2 cervejas de garrafa por 380 pesos, 38 reais, num barzinho legal… Taxi tbm ta bem barato… Ta valendo a pena o passeio! Abraço!”

    Boa viagem! Juliano Rigatti

    saulo - 18 de janeiro de 2012 reply

    Juliano agora que já esta na hora de embarcar, gostaria de agradecer + uma vez.
    Muito obrigado por todas as dicas
    abraços
    Saulo

  • Silvia Maria Del Secchi - 5 de janeiro de 2012 reply

    Parabéns pelo seu blog Juliano e pela iniciativa…estou indo dia 08/01/2012 a Montevideo p/ estudos e ficaria um período de um mês por lá. Como não conheço a cidade gostaria que fizesse alguns comentários a respeito do clima de lá. Sou Curitibana e aqui todos os dias temos as 4 estações. Difícil saber o que levar principalmente por ter que ser p/ muitos dias e pouco peso na mala….rsrsrsrs
    OBS: Tenho acompanhado diariamente o tempo pela internet.
    Qto aos demais comentários que não venham a acrescentar deixemos no item descartáveis. Abraço e obrigada

  • Ofélia - 7 de janeiro de 2012 reply

    Olá Juliano, primeiro te desejo um ótimo 2012, e que vc continue viajando e nos proporcionando dicas de suas viagens….!!! Foi muito bom entrar no seu blog , pois meu marido e eu iremos a Montevideo neste mes de janeiro de 2012 e confesso, não sabia absolutamente nada a respeito daquela cidade e tb daquele país.
    É sempre muito bom poder ter uma idéia através dos olhos de quem já viveu o que a gente pretende viver.
    Um forte abraço, grata e PARABÉNS!!!
    E.T., ainda não conheço Porto Alegre e nenhuma outra cidade do Rio Grande do Sul, mas o seu Estado já está nos meus futuros roteiros.

    uzina - 18 de março de 2012 reply

    OBRIGADO!

  • vera lucia escodino de mattos - 30 de janeiro de 2012 reply

    nao precisa de passaporte e tem que levar identidade nao serve carteira de motorista e a identidade nao pode ter mais de 10 anos.
    vera escodino

  • isabela - 4 de fevereiro de 2012 reply

    Vou p la de navio, e so fico 2 dias,vou aproveitar tuas dicas……li dezenas de comentarios aqui,a maioria muito bons…..outros nem tanto,mas bairristas e gente boa tem em todos os lugares e todos os estados….nao deveriamos nos tratar assim……mas e tipico do ser humano ter esse lado.Tenho uma irma q mora em Poa e um sobrinho gaucho…..ja me acostumei q os amigos gauchos q pegam no pe dos paulistas….mas td na boa…so gente boa,,abraco Juliano,na volta eu conto e traga alfajores….rs…espero encontra-los q fiquei c vontade…rsrsrs…

  • PVA - 5 de fevereiro de 2012 reply

    Caros amigos!!Estou em Montevideo e estou colocando em pratica muitas dicas,,,, agora vai a minha: PALLADIUM HOTEL…. O PIOR DO MUNDO,,,, fuja é uma bomba,,, um verdadeiro lixo!!!!!!!

  • Eugenio Camara - 9 de fevereiro de 2012 reply

    Eu e minha esposa vamos passar o carnaval em Montevideo. Ouvi dizer que a cidade “fecha” durante esse feriadão. É verdade? Se for, estamos em maus lençóies, primeiro porque não vamos ter o que fazer por lá (a não ser aproveitar o Hotel Tryp Montevideo…), segundo porque deixei para trocar reais por pesos somente em Montevideo (e, pelo jeito, as casas de cambio também estarão fechadas). Alguém poderia me dizer que não é bem assim e que nosso carnaval tem alguma chance de ser bom?! hehe! Obrigado, Eugenio (Brasília-DF).

    uzina - 9 de fevereiro de 2012 reply

    Bah, nao sei te dizer, Eugenio. Alguem sabe? Abs, Juliano

    thais - 17 de fevereiro de 2012 reply

    Olá! Estou indo amanhã para Montevideo, ficarei até sexta e dps vamos para Punta. Se essa informação se confirmar, eu nem sei. ESPERO QUE NÃO!!! Tb ficarei no TRYP! hehehehe , Obrigada pelas dicas do blog.
    Thaís – Rio de Janeiro

    uzina - 17 de fevereiro de 2012 reply

    Boa viagem, Thais! Me traz um alfajor. 🙂 Juliano

  • AFRANIO REIS RODRIGUES PRIMO - 13 de fevereiro de 2012 reply

    Gostei muito das dicas fornecidas. Agradeço os comentários

  • jean luiz - 26 de fevereiro de 2012 reply

    poxa estou indo passar seis meses por lá … valeu as dicas….

  • Renato - 27 de fevereiro de 2012 reply

    PARABENS COMPANHEIRO PELAS DICAS QUE VOCE INFORMOU,PRETENDO CONHECER MONTEVIDEO E DE MUITA IMPORTANCIA O SEU RELATORIO DE VIAGEM.QUANTO AO PAULISTA ACHEI ELE UM GRANDE INVEJOSO QUE COM CERTEZA NUNCA VIAJOU E SEMPRE VIVEU NA SUA CAVERNA E NUNCA TEVE OPORTUNIDADE DE VIAJAR.DEVE SER UM “LISO”.

  • Piauhy - 27 de fevereiro de 2012 reply

    NÃO vá de PLUNA é um aviãozinho onde te cobram as bagagens e o serviço de bordo é PAGO …

  • roberto - 29 de fevereiro de 2012 reply

    Impressionante como grande parte do Brasil morre de inveja dos paulistas!!!!!
    Vcs deveriam ter orgulho do meu Estado, verdadeiro exemplo para a nação e para o mundo!
    Só de vcs pertencerem à mesma Federação, onde São Paulo brilha com uma luz sem igual, já seria motivo de vcs amarem o Maior Estado da Nação.
    Pois sem São Paulo, e o seu povo, o Brasil seria uma autêntica republiqueta.
    Quanto ao paulista que aqui escreveu, reconheço que nem tudo é perfeito.
    Aqui também existem os babacas.

    Mariana Ferrone - 29 de setembro de 2013 reply

    Olha, eu sou paulista mas não concordo nem um pouco com os comentários infelizes do tal de “paulista” e desse “roberto” que o apóia de maneira vergonhosa e bairrista, diria até um tanto “nazista” (que inclusive rima com “paulista”!) Quanto a dizer que São Paulo brilha como uma luz sem igual, se São Paulo fosse assim tão bom, as pessoas desse estado não estariam viajando tanto para outros lugares, justamente para fugir da verdadeira loucura estressante que é viver no “maior estado da nação”..será que se esquecem que oa qualidade de vida em São Paulo não é a melhor do país e sim a dos estados do sul do Brasil???.

  • Rangiel Mello - 8 de março de 2012 reply

    Obrigado pelas dicas! Chegamos ontem de Montevideo, após 4 dias, que foram bem aproveitados. Só não foi possível pegar onibus, visto que em Carrasco não há muitas linhas. Realmente os preços são bem salgados… norestante é muito interessante. para compras Buenos Aires é bem mais em conta, mas a cidade de Montevideo é muito bonita, com pessoas educadas e com belas praias. Por falar em praia, Punta é muita. Alugamos um carro para ter mais liberdade nos deslocamentos. Dica: andar de bicicleta por La Rambla, Mercado del Puerto e jantar em El MIlongon.
    Saudações,

    Rangiel, Porto Alegre

  • icaro03 - 10 de março de 2012 reply

    colega, como vc fez pra seu cartão de crédito funcionar lá? a empresa converte o valor de gasto de reais pra pesos, é isso?

    AdrieleSchtscherbyna (@dricarock) - 10 de março de 2012 reply

    Primeiro você tem q informar à administradora do cartão a viagem, para que “saibam” que você está em viagem internacional. O valor da compra lá é convertido de pesos para dólares e a cotação da moeda, no dia do fechamento da fatura, é que irá determinar o quanto pagará, em reais, pela compra.

    uzina - 10 de março de 2012 reply

    Sim! Liga para tua operadora (Visa, Mastercard etc.) e vê se está tudo certo com o teu cartão internacional. O valor é convertido para moeda local quando a fatura é emitida. Boa viagem! Juliano

  • Fernanda - 19 de março de 2012 reply

    Olá!
    Vou viajar esta semana para Montevideo e acreditos que todas as dicas serão úteis!
    Apenas gostaria de saber oq aconteceu pra vc não conseguir trazer os seus potes de doce de leite, pois mês passado eu fui para Buenos Aires e consegui trazer doce de leite, um monte de alfajor Havana e trouze vinhos e cervejas!!! rsrsrsrsrs
    Ah, outra coisa, o melhor alfajor, de Buenos Aires pelo menos, é o Cachafaz. Ele é muito bom, dá de 10 a 0 no Havana, porém não tem loja própria e só vende em supermercados ou vendinhas.

    Outra coisa, você sabe me dizer como é o tempo lá??? A noite faz frio????

    Muito obrigada pelas informações.

    Abraços.

  • Moisés - 20 de março de 2012 reply

    Adorei o relato da cidade, estou indo agora na semana santa e tenho uma dúvida … essa taxa na volta no aero ainda está sendo cobrada?
    Pq em Buenos Aires tb cobrava, mas hj em dia ela é cobrada quando emite a passagem aerea …
    Obrigado

  • Mateus - 25 de março de 2012 reply

    Estou aqui em Montevideo, no centro tem uma casa de câmbio que paga 10,50 por real. A maioria dos lugares aceita Real, até os pedágios na estrada, a maioria faz a conta de 10 pesos por Real.

    Ricky gai gaudério - 5 de abril de 2012 reply

    M de estado b de cidade de gaúcho Porto alegre fedida com povo id e preconceituoso. Peco a deus todos os dias que essa m. Separe do Brasil e fique bem longe. Estado de b.

    Mario - 6 de abril de 2012 reply

    Olá gostei das dicas, estamos querendo ir para lá em junho, num passeio rápido (máximo 4 dias), lendo teu relato ja ME SINTO MAIS FAMILIARIZADO, isso é muito bom. Ano passado fomos a Dubai e temos dicas caso alguem precise.
    Abaço e obrigado

    Paulistano Sempre - 13 de maio de 2012 reply

    concordo com vc .. Porto Alegre é a cidade mais atrasada do pais… nao eh a toa que a cidade que mais exporta veados para o resto do pais . Pq o RS nao separa do Brasil ? Assim o cara que postou que deve ser um gaucho de meia tigela bitolado e corn vai andar de Celta, comer arroz e carne . Movimento Paulistano : Gauchada fora daqui ! Enrola a bandeira cor de M e enfia no c…. Hino de b,,,,

  • Kaio cesar - 18 de abril de 2012 reply

    Na questão de roupas e sapatos são muito diferentes do Brasil ? Qual seria o melhor local pra compra -los ? Pois vou nessa segunda e volto quarta e estou indo justamente pra isso , no aeroporto nos dusty free estão em conta cremes , perfumes ? qual locais recomendados para essas compra ?

    Muito obrigado

    Fernanda Midori - 19 de abril de 2012 reply

    Kaio César,
    Eu fui pra Montevideo agora no final de Março, e sinceramente, achei que na questão de roupas e sapatos não é muito diferente aqui do Brasil não. É tudo praticamente o mesmo preço ou mais caro. Inclusive, eu achei os sapatos de couro muuuito mais caros que aqui no Brasil.
    Para roupas femininas, tem uma loja que se chama Emporio Indian, que quando eu fui tinha uma promoção de casacos femininos, pois levando 3 você pagava 2. Isso valeu sim muito a pena. Ah, e comprei algumas blusas de lã, MUITO baratas em uma loja já na cidade velha. Mas foram as unicas coisas que encontrei bem baratas. De resto, achei que o preço é o mesmo daqui.
    No duty free, os cremes e perfumes pelo que eu olhei tinham o mesmo preço do Brasil… uma coisa que era mais em conta era o Barbeador masculino e o depilador feminino da Braun. De resto, tudo o mesmo preço.

    Espero ter ajudado e boa viagem!

  • SAVIO MAU - 20 de abril de 2012 reply

    Eu estava lendo seus comentários e por incrivel que pareça, tudo aconteceu comigo!!!! Se eu tivesse que passar dicas para alguem, nao faria nenhuma diferente das suas… Parabéns. Hoje faz extamente 1 ano que fui pra la. Era semana santa, e a cidade estava morta. Os Uruguais tem exatamente 7 dias de folga na Semana Santa e eles saem por completo da cidade… foi muito bom conhecer Montevideo, Colonia e Punta del Este…

  • Joel - 27 de abril de 2012 reply

    Cheguei ontem à noite em Montevidèu, pena que nao li seu comentário antes pois nao teria morrido com R$ 90,00 no carro do aeroporto para o centro.
    Aproveitarei o resto.

  • Ribeiro - 28 de abril de 2012 reply

    Estou de viagem marcada para julho . Vou aproveitar suas dicas

  • Denise Castor - 28 de abril de 2012 reply

    gostei das dicas e estou super interessada pois irei dia 24/5 passar um final de semana. e estou procurando dicas. pq a pouco tempo fui a cuba amei de paixão, mas tambem fui pega de surpresa com a taxa de embarque que tambem doeu em mim. no aeroporto de havana/cuba comprei cremes cubanos e run cubano perguntei se poderia ser bagagem de mão afinal minha mala tinha sido despachada e eu faria conexao em bogota…gastei em cremes e 1 run 14 euros e quando cheguei em bogota sem dó nem piedade pegaram tudo….entao agora ficarei muito esperta. pois essa foi a 1ª vez que me senti roubada pelas regras de um aeroporto e no que depender de mim será a ultima. GRATA PELAS DICAS

    Carlos Oliveira - 7 de maio de 2012 reply

    Caríssima Denise, vou incluir outras dicas. Em Montevideu, voce podera utilizar reais em alguns estabelecimentos, fica melhor que fazer cambio. O visa é bem aceito, porém em restaurantes cobram mais 6%. Bom, não espere que voce terá muito dinheiro em relação aos peso uruguayo, pois aqui tudo é muito caro, desde comida, um casal gasta em média R$120,00 por dia somente com alimentação, roupas, eletrônicos e outras coisas, nem sonhando, aqui quase tudo é importado. A não ser que voce traga pelo menos 500,00 pra gastar no dia aí sim, vc vai estar bem. No mais a cidade é bucólica, tem um clima bom, é fácil de caminhar e andar de ônibus. Taxi comum é barato, mas do aeroporto são caríssimos em média 125,00 reais. Compras no freeshop de montevideu vale a pena. O resto só voce para conferir. Ainda estou em Montevideu, vou ficar aqui até no próximo domingo, mas estou louco pra ir embora.

  • Massaranduba - 7 de maio de 2012 reply

    Acho que viajar de férias não é todo dia que acontece e se é para divertir não podemos ficar medindo os valores tanto quanto nosso amigo gaúcho que parece ser bem pão duro com a família. Não concordo com os comentários agressivos do Paulista, pois paulista “não se acham, eles têm certeza”, mas quero dizer que essa coisa de bairrismo é muito arcaico e ultrapassado, então essa coisa de CTG’s é ridículo demais.

  • Praiano - 22 de maio de 2012 reply

    Muito obrigado pelas dicas, conheço a Argentina e o Chile e agora vou conhecer o Uruguai suas dicas com certeza serão muito uteis.

  • Caroline - 9 de junho de 2012 reply

    Nao posso trazer Doce de leite e alfajor posso? como que eles colocam no frete shop se nao podemos entrar no Brasil com isso?

  • Henrique - 15 de junho de 2012 reply

    Prezados,
    Alguém conhece uma agência que faz city tour por meio período em Montevidéu?

    Queria aproveitar uma conexão do meu voo, pois vou ficar 10 horas parado no aeroporto (entre as 11 e 21 horas).

    meu email é:
    hcbarreto@gmail.com
    Obrigaodk
    Henrique

  • joao bh - 19 de junho de 2012 reply

    ESSE GAÚCHO É MUITO CRICRI E O PAULISTA FOLGADO.

  • Maria Abdo - 22 de junho de 2012 reply

    Gente! Foi muito divertida a minha passagem pelo blog.Como vcs brigam!O Brasil todo eh um pais maravilhoso!Cada estado com suas grandes qualidades e pequenos defeitos.
    Sou carioca e amo Sao Paulo.Acho o Sul maravilhoso e as praias do Nordeste,demais! Salvador,Pernambuco,etc.Nossas praias (RJ) de Arraial do Cabo e Buzios,arrazam!
    Belem,eh fantastico!Enfim,nosso pais eh esplendoroso.Qdo viajamos muito,e eu faco isto com muita frequencia,passamos a dar mais valor a nossa terra.Parabens ao blog.Estarei em Bariloche,Montevideu e Buenos Aires em agosto e o blog me foi muito util,pois nao conheco Montevideu.Abracos a todos os meus conterraneos que frequentam o blog.

  • Cristiany Zanotti Pancieri - 5 de julho de 2012 reply

    Estamos indo pra Montevideo no dia 13/07. Valeu pelas dicas!

  • Godoy - 17 de julho de 2012 reply

    Foram boas as dicas de viagem a Montevidéu,pois assim evitamos cairmos em armadilhas fora de nosso país; Como já cai em viagens a outros estados e no exterior.Porém quanto aos comentários gerais é que tudo no Brasil gira entorno de São Paulo o estado mais rico economicamente .

  • Alessandro - SP - 27 de julho de 2012 reply

    Inacreditavelmente a quantidade de desocupados discutindo x ou y cultura por 2 ANOS!!!!!!!!!!!!!! em um post de dica de viagens.
    vou para Punta no final do ano e simplesmente não acreditei o quanto decorreu esta palhaçada.
    Alessandro – SP

  • Miguel RS - 5 de agosto de 2012 reply

    Boas dicas e comentários. A primeira vez que fui para MTD foi de bike quando tinha 20 anos. Depois fui várias vezes. Agora faz anos. Tô indo em setembro. Alguém tem dica de hostel? Para quem vai, lembro que há 3 feiras semanais na cidade. Aprendi de outros lugares que lá se conhece o povo local (e se compra barato). Para info das feiras bota no Google: Tristán Narvaja, Villa Biarritz e Parque Rodo. Quanto aquele primeiro “paulista” abobalhado, que deve ser neto do Janio Quadros, pergunto: Dia 9 de julho se comemora o quê mesmo?

  • Maria Melo - 10 de agosto de 2012 reply

    Agradeço as informações neste blog são preciosas.
    Além de muito bem escritas.

  • Joana - 31 de agosto de 2012 reply

    caramba, vou para lá em janeiro, num cruzeiro, como o tempo que vamos ficar é somente uma tarde, o que vc poderia me indicar que valeria de fato a pena visitar, almoçar e também alguma lembrancinha para trazer. Obrigada! Joana

  • Jorge Alegre - 10 de setembro de 2012 reply

    Prezados amigos. Sou Jorge, guia de turismo uruguaio. Quero convidar vocès a visitar minha página http://www.uruguias.com. Ali tem dicas e informaçoes sobre meu pais. Realmente as dicas deste bolg sao ótimas! Parabens ao criador da página! De qualquer forma como nativo posso ajudar mais se querem e responder susas consultas. Mesmo nao queram fazer nenhum passeio que a minha cooperativa de guias oferece no site, podem pegar mus dados da pagina e me escrever que com prazer vou dar orientaçoes e ajudá-los. Morei no Brasil, minha esposa é mineira e tenho um grande carinho pelo Brasil e pelos brasileiros. Entao será um prazer ajudá-los para que tenha uma ótima viagem e possa curtir muito estas terras. Com certeza vao se surpreender e apaixonar pelo Uruguai! Abraço!

  • LUIS ROCHA - 11 de outubro de 2012 reply

    VIVA O RIO GRANDE DO SUL

  • Software espiao (@Softwareespiao) - 1 de novembro de 2012 reply

    Bom deemais!! todo mundo falando bem do blog,passaram algumas pessoas la no meu e divulgaram seu blog,achei muito bom e não perdi tempo meu,me recomendaro esse aqui pq eu tava precisando rastrear celular http://rastreamentodecelular.net disseram que é famoso,ja entro la sabe me falar alguma coisa?parabens ai pelo blog e vou esta sempreee!! sabe o que é sempre?sempre acompanhando!!fuuui

    Dinalva Torres - 19 de novembro de 2012 reply

    Os gauchos são “tri” legais. Amei os uruguaios. Não tô nem ai para as briguinhas. Amo muito viajar. Sou baiana, já morei na Bélgica (4 anos), adoro o Rio de Janeiro e moro em São Paulo em plena Avenida Paulista.
    O blog é super legal e tem muita gente interessante no comentários.

    uzina - 19 de novembro de 2012 reply

    É isso aí! Conheces a analogia das sombras? Um dia, numa escola primária, uma menininha olhou pro chão, pras sombras dos coleguinhas e disse:

  • Teresa - 7 de dezembro de 2012 reply

    Cara, me desculpe, mas quase caí da cadeira, ao ler seu comentário sobre sua operadora , te deixar na mão e ainda te desejar boa viagem….rsrsrs
    Quanto ao doce de leite, acho que eu chorar….adoro um docinho de leite…
    Valeu pelas dicas!!
    Abraços

  • gmercadal - 29 de dezembro de 2012 reply

    muito bom teus comentários, sou Uruguaio e moro em São Paulo, vou mais ou menos a cada dois anos a Uruguai e realmente tem muito coisa que é mais cara. Também não concordo com essa taxa no aeroporto na saída, nem com os preços exorbitantes que cobram nas lanchonetes.

    No demais sou suspeito para falar, mas é uma ótima opção de passeio.

    um abraço

    Gustavo

  • Henrique - 3 de janeiro de 2013 reply

    Salve! Vamos ao Uruguai neste mês e, certamente, suas dicas serão muito úteis! Obrigado por elas!

  • Samuel - 22 de janeiro de 2013 reply

    Obrigado pelas dicas! Viajo para lá após o carnaval e espero usar a informações para me orientar na cidade. Valeu!

  • maria carmen souza de moura aguiar - 24 de janeiro de 2013 reply

    UZINA estou indo dia 18/03/2013 me mande dicas de passeios, de almoço e de compras.Vou ficar no Armon Suites que fica na 21 de Setiembre 2885 Pocitos/Punta Carretas , Montevidéu voce conhece
    estou aguardo ansiosa,Ah adorei seus comentarios são super valiosos

    Jorge - 24 de janeiro de 2013 reply

    maria del carmen eu moro 4 quadras dai. O hotel é simples mas muito bom. O bairro é ótimo, tranquilo, perto de tudo e com todos os servicios. Fica a 15 do centro e rodoviaria. Para passear pela cidade te recomendo pegar o bus turístico na praça independencia. Se quiser ir para Punta te recomendo ir de excursao, qualquer coisa pode ver alguma opçao na minha página. Vai no mercado do porto para almoço e nao deixe de visitar o teatro solis. Abs

  • Cesar Andrade - 25 de janeiro de 2013 reply

    Legal, vou para Montevidéo dia 15 de Fevereiro de 2013, com minha família, vou me atentar a todas as dicas, sou de Porto Alegre/RS.
    Acho que as dicas são muito valorosas e curti todas elas. Parabéns.
    Obrigado

  • JULIANA - 26 de fevereiro de 2013 reply

    Gostaria de dicas de hospedagem e restaurantes

  • Luanna - 6 de abril de 2013 reply

    Sou do ES e achei muito feio o comentário do PAULISTA… coisa de gente mal educada mesmo!
    Achei muito bacana este post e vai me ajudar muito! Obrigada!!

  • Pedro Paulo Buchalle - 9 de abril de 2013 reply

    Valeu. Bom Mesmo. Quanto ao preços de aeroporto, o Brasil é mais caro que eles. Uma roubalheira sem explicação, que não seja: ou pague ou fique com fome.

  • Davison - 24 de abril de 2013 reply

    Meu povo, se vcs nao gostaram dos comentários do paulista, ignorem. O post aqui é sobre viagem, e não p defender quem escreveu as dicas ou para criticar o tal paulista. Atenham-se ao objetivo do post: VIAGEM.
    Dicas úteis, as quais usarei em junho quando estiver por lá.
    Gostei muito e escreva mais quando puder…rs
    Abs

  • Dani Torquato - 24 de abril de 2013 reply

    Dicas pra lá de legais de um gaúcho abençoado !!! Eu e meu esposo ficamos ainda mais animados com a viagem a Montevideo em comemoração aos 15 anos de casados ! Que venha a farofa de alfajores!!!rsrsrsrsrs ( Nossa! Estou rindo até agora!!!)

  • Joao Augusto - 21 de maio de 2013 reply

    Olá pessoal, roubaram a bolsa de minha esposa nas proximidades do mercado del puerto, na cidade velha (arrancaram a bolsa em uma esquina e fugiram covardemente), duas quadras do mercado. Muito cuidado ao caminhar por aquela região, e também, na rambla, ali perto, onde tem um campo de futebol. Tem um posto policial nas proximidades, mas isto não intimida em nada os meliantes. Eles dominam ali. A policia nem da muita importância quando ocorrem assaltos. Infelizmente, aquela região da cidade velha virou um antro de marginais. Principalmente aos domingos, em que as ruas por ali ficam bem desertas, eles fazem a festa. Comigo ocorreu em um domingo, 05/05/2013, 12:30. Depois disto li vários outros relatos de assaltos naquela região, inclusive durante o dia, em dias de semana, e até a mão armada! Ou seja, se for ao mercado del puerto, vá de taxi. Conversando depois com os cidadãos de montevideo, eles confirmaram que lá está muito perigoso. Tivemos sorte, pois recuperamos os documentos através da polícia, e a bolsa não tinha nada de muito valor. Mas muito, muito cuidado com aquela região. Tive a impressão de que as proximidades do estádio centenário pode oferecer algum risco também. Deixe seu passaporte original no hotel, e ande com uma cópia, e mulheres, bolsa, de forma nenhuma. A da minha esposa era daquelas pequenas, de couro. Eles são muito rápidos, e dificilmente dá pra evitar, por que eles ficam te esperando nas esquinas, quando você menos espera! Fica a dica, e boa viagem!

  • Elmo - 27 de maio de 2013 reply

    Boa Tarde.
    Alguém sabe me dizer se ainda cobram a taxa de embarque na volta de Montevidéu, pois na minha passagem já estão cobrando a taxa da volta.
    Obrigado e parabéns pelo blog. Já estive na Argentina (Buenos Aires e Patagônia), Chile, Peru e Venezuela (Los Roques) e se alguem precisar de alguma informação, estou à disposição.

  • Adriana - 31 de maio de 2013 reply

    Olá pessoal,

    Tem um site chamado Brasileiros no Uruguai que tem informacoes sobre pontos turísticos e atracoes das principais cidades turísticas do país.

    http://www.brasileirosnouruguai.com.br

    Fica a dica! 🙂

  • sergio08gil - 10 de julho de 2013 reply

    Bom, li o texto por cima e os mimimi nos comentários.

    irei para Montevidéu no próximo mês e percebi que o texto compara muitas coisas, mas o intuito do cara foi apenas ajudar mesmo. E óbvio que na parte do mate e em outras coisas ele iria puxar sardinha pro RS. Isso é mais que normal.

    Talvez o incomodo dos paulistas (e eu sou paulista também) é que não se falou muito nas coisas boas. Focou mais nos perrengues e muito perrengue aí eu considero normal aqui, haja visto que Porto Alegre é uma cidade com custo de vida mais barato que São Paulo. Uma garrafa ser 8 conto lá é a mesma coisa aqui, enquanto numa cidade baixa você paga litrão por 5 reais.

    Uma dica ao uzina sobre os próximos relatos: continue trazendo com riquezas estes detalhes! nos ajudam muito! e na próxima, tente ver de uma forma mais desapegada a sua rotina. Encare como um outro mundo de peito aberto. Eu sou tão prova disso, que tenho no RS uma segunda casa no Brasil.

  • GEORGE - 21 de julho de 2013 reply

    OLÁ ESTOU INDO PRA MONTEVIDEU PELA PRIMEIRA VEZ ALGUEM ME DAR UMA DICCAS DE DINHEIRO E HOTEL BOM E BARATO? PODE RESPONDER NO MEU E-MAIL SE QUISER GEORGEVANZINI@HOTMAIL.COM

    Jorge - 18 de agosto de 2013 reply

    George o melhor é se hospedar no bairro Punta Carretas ou Pocitos, ai te recomendo Armon Suites Hotel e se quiser algo mais económico pousada Una noche más é maravilhosa! Se quiser no centro vai no Iberia ou Palacio que são bem económicos opu padrao IBis tem o ORpheo. Caso quiser algum passeio ou traslado não duvide consultar-nos no uruguias.com ou uruguias@gmail.com Quanto ao dinheiro traz reais e troca na casa de cámbio GALES.
    Abraço desde Montevidéu,
    Jorge Alegre

  • Joaquim Solisto - 17 de agosto de 2013 reply

    Olà, estamos em montevideo..tudo è muito legal. A comida è pèssima, e cara, o que se pode comer de melhor custa em mèdia R$ 100,00 UM PRATO…os restaurantes mais populares, sò tem frituras e empanados pra todo lado…nunca sofri tanto. Mas è sò este o problema, a cidade vale muito a pena. Mas se prepare para os preços. Em Sao Paulo, se come muito bem em qualquer Shopping por 20,00 em mèdia se o restaurante for por quilo. Aqui não tem disto. È fritura pra todo lado…aiiiii minha asia…

    Jorge - 18 de agosto de 2013 reply

    Prezada amiga vai no shopping Punta Carretas a El Fogon e come um bom churrasco. A comida é mais cara mesmo, mas tem outras opçoes mais económicas aqui, vai no Mercado dos Artesanos da rua San José e Ejido e come por R$ 20 tranquila com agua e sobremesa, come um chivito no Chivito de Ouro na Av.18 de julho esq YI. Bom qualquer duvida sobre passseio nao deixe de consultar uruguias.com. Também conheço um lugar onde pode comer feijao. Um abraço, Jorge

  • Anizio - 2 de novembro de 2013 reply

    Que pena vcs se deixaram levar por nada e fugiram do tema em questão, o que importa são as dicas, assim como aconteceu com ele, pode acontecer conosco, Tdas as dicas são válidas e nos ajudam a prestarmos mais a atenção pra não cairmos nas ciladas, que sabemos, acontecem em todos os lugares do mundo. Quero conhecer Montevidéu e certamente estarei atento à estas dicas importantes. Esqueçam os bairrismos, cada estado tem suas especificidades e todos são importantes para o nosso belo País, se não, não fariam parte dele!

  • gilnei - 10 de janeiro de 2014 reply

    consigo trocar dinheiro com cartao do bco do brasil visa em montevideo????

    uzina - 10 de janeiro de 2014 reply

    Infelizmente não sei.

  • ThalesPC - 16 de janeiro de 2014 reply

    Cara, muito legal a postagem. Além de muito divertida, foi bastante útil. Vou conhecer as duas cidades em breve… abs

  • Dóris - 6 de fevereiro de 2014 reply

    Muito obrigada pelas dicas, pois irei para Montevideo no sábado e ficarei no Uruguai durante uma semana.
    Aaah!!
    Segundo meu pai me informou, o aeroporto de Porto Alegre realmente barra os alimentos vindos de fora do Brasil….o mesmo não acontece ou acontece com beeeeem menos frequência nos aeroportos de São Paulo. Agora o porquê disso eu já não sei.

    Kissus

  • Lia Alves - 3 de março de 2014 reply

    Muito obrigado pelas dicas,

  • Dóris - 15 de março de 2014 reply

    Muito obrigada, suas dicas irão me ajudar muito.
    Já estive em alguns paises da europa , caso precisem de dicas é só me enviar um e mail e terei o maior prazer em ajudar. dorisnrf@hotmail.com
    Dóris

  • Max - 20 de março de 2014 reply

    Engraçado estive ano passado em Buenos Aires e trouxe muito doce de leite, e bota muito nisso, desembarquei e não falara nada, na verdade nem viram e nem perguntaram.

  • Johnb305 - 19 de maio de 2014 reply

    This web site really has all the information and facts I wanted about this subject and didn’t know who to ask. keecdeebkdff

  • Jigabyte - 27 de junho de 2014 reply

    esse forum e sobre viagem ou de gaucho procurando macho, catarino procurando gaucho e paulista fazendo desabafo para economizar terapia

Deixe uma resposta para Paulistano Sempre Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *